Especialista esclarece mitos comuns entre a fisioterapia e a dor







Os mitos que envolvem as dores não são poucos. Será que as mulheres lidam melhor com as dores do que os homens? Quem tem dor, vai ter que conviver com ela para sempre? Quem sente dor não pode se exercitar? Foi para esclarecer essas e outras dúvidas que o fisioterapeuta Artur Padão esclarece uma lista com os 12 mitos mais comuns que afligem pacientes em todo o mundo. Ele atua no Centro Multidisciplinar da Dor, uma das clínicas especializadas no tratamento multidisciplinar da dor mais respeitadas do País, localizada em Botafogo, no Rio de Janeiro.

A dor significa apenas que existe uma lesão no corpo
A dor aguda chama nossa atenção para alguma lesão em nosso corpo. Já no caso da dor crônica, o sistema nervoso entra em curto circuito e mantém a dor persistente. 

Ignorar a dor vai fazer a dor ir embora
Ignorar a dor significa mudar o foco para outra coisa. Se voltar o foco para a dor, a dor volta, principalmente nos casos crônicos. O fisioterapeuta pode durante um tratamento, aumentar o foco na função e minimizar o foco na dor. 

As mulheres lidam melhor com a dor do que os homens
Apesar das pesquisas sempre mostrarem diferenças entre as mulheres e os homens, relacionando a intensidade e a tolerância a dor, a maneira como cada pessoa lida com a dor é totalmente individual. 

Conviver com a dor é para sempre
Algumas pessoas provavelmente vão sentir dor para o resto da vida. Isso depende de vários fatores, principalmente do impacto que a dor teve. A dor quando se torna crônica, acaba se misturando e se confundindo a incapacidade e ao sofrimento. Existe controle e existe tratamento. 

Pessoas com dor só podem ser tratadas com indicação médica
A fisioterapia está, cada vez mais, ganhando espaço e mostrando que é uma opção segura e eficaz para o controle da dor. Pacientes devem procurar diretamente um fisioterapeuta, porém é muito importante que sempre exista uma integração com outros profissionais como médicos e psicólogos. É importante lembrar que a melhor opção de tratamento para a dor crônica é o tratamento interdisciplinar.

Devo ficar em repouso se estiver com dor 
O repouso pode ser um amigo mas, também, um grande inimigo. Mesmo nos casos de dor aguda, o repouso deve ser mínimo para se proteger e cuidar da região machucada. Rapidamente devemos voltar as nossas atividades diárias. A dor crônica, muitas vezes, é tratada como dor aguda, o que acaba mantendo os pacientes em repouso. Quando isso acontece, pode ser gerado o encurtamento dos músculos, o endurecimento das articulações, a redução do condicionamento e o aumento da ansiedade com a piora da dor.

A fisioterapia trata a dor com TENS, ultra som, gelo e ondas curtas
Essas modalidades, consideradas passivas, podem ajudar a aliviar a dor, porém apenas num curto espaço de tempo. Muitos pacientes acabam cronificando a dor mantendo este tipo de tratamento por meses e até mesmo anos. A fisioterapia é a modalidade de tratamento que possui o maior número de técnicas para o controle da dor, isso sem falar dos diversos tipos de exercícios, técnicas cognitivo comportamentais e a educação em dor. O tratamento da dor crônica deve ser ativo, interdisciplinar e a longo prazo. 

Se eu me exercitar, a dor e os meus problemas vão piorar
O exercício na dor aguda na maioria das vezes é contra-indicado, pois pode piorar a lesão e a aumentar a dor. Entretanto, nos casos de dor crônica, o exercício ajuda, na maioria das vezes, a controlar a dor e a aumentar a força, a flexibilidade e o condicionamento físico. O fisioterapeuta precisa saber o melhor momento para indicar exercícios para o paciente, respeitando limites e capacidades. 

Ter dor há muito tempo é normal e todo mundo tem
Sentir dor o tempo todo não é normal e é um fato que precisa ser avaliado. A dor aguda protege, mas a dor crônica castiga e leva a limitações das atividades diárias. 

A dor está na cabeça da pessoa
A dor está na cabeça sim. Percebemos que dói lá dentro da cabeça, no cérebro. Mas, quando a dor é persistente, podemos realmente mudar nosso humor e sermos mais negativos. A dor pode enlouquecer uma pessoa, a ponto de  torná-la diferente. Algumas, em casos mais extremos, chegam a pensar em suicídio. 

Quanto mais velho eu fico mais dor eu tenho que sentir
Nem todo mundo que envelhece sente dor. Mas, quanto mais velhos ficamos, mais nossos músculos e articulações apresentam problemas, além de outras doenças, que também causam dor, serem mais frequentes. 

O fisioterapeuta vai curar a minha dor
Não existe cura para a dor. Precisamos da dor para proteger o corpo, mas não precisamos sentir dor o tempo todo. A cura chama a atenção para a solução do problema. Porém, a dor pode ter significados e necessidades diferentes para as pessoas, tornando-a algo incurável.


Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping