Incontinência urinária em idosos: como tratar esse problema?






http://saude.culturamix.com/blog/wp-content/gallery/incontinencia-urinaria-1/incontinencia-urinaria-1.jpg

A incontinência urinária é definida, segundo a Sociedade Internacional de Incontinência, como qualquer perda involuntária de urina, por isso, qualquer pessoa que teve mais de uma perda nas últimas quatro semanas deve ficar alerta. O distúrbio tem diversas causas, como gravidez, implicações pós-parto e problemas de sexualidade, porém as grandes vítimas desse problema são pessoas idosas.

Em um país como o Brasil, cujo número de idosos deve chegar a 30 milhões em 2020, segundo dados do IBGE, o assunto deve ser tratado com atenção, já que os impactos do distúrbio não são apenas físicos. A incontinência urinária leva o indivíduo a ter problemas sociais, pois causa situações de constrangimento. O paciente acaba por se afastar de seus relacionamentos e esconder o problema, podendo desenvolver quadros de depressão e agravamento da condição de saúde.

A discriminação da família e a falta de informação ao paciente transformam a incontinência urinária em um transtorno maior do que realmente é. A incontinência pode ser tratada de forma simples e barata. A fisioterapia uroginecológica é extremamente eficaz tanto no tratamento quanto na prevenção do distúrbio e trabalha com todos os tipos de incontinência urinária e de outras patologias relacionadas à região pélvica", explica.

Além dos exercícios fisioterapêuticos, o profissional especializado em uroginecologia usa a eletroterapia, terapias manuais e ginástica hipopressiva como formas alternativas de tratamento. Apesar de pouco conhecida, essa prática da fisioterapia pode servir aos mais diferentes tipos de pacientes. Tanto o homem que retirou recentemente um câncer de próstata e apresenta incontinência quanto uma mulher grávida que precisa de orientação para prevenir o problema".


Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.