Procedimento fisioterapêutico em indivíduos com sinusite.






https://www.immi-canada.com/wp-content/uploads/2015/11/Depositphotos_26954991_l-20151-1080x675.jpg 

Pesquisadores brasileiros avaliaram os efeitos da aplicação do tratamento fisioterapêutico em indivíduos com sinusite submetidos ou não à terapia medicamentosa.

O estudo foi desenvolvido no Instituto de Previdência do Estado da Paraíba com participação de 13 indivíduos, selecionados ao acaso, com idade entre 18 e 50 anos, sendo 11 mulheres (84,6%) e 2 homens (15,4%). Os indivíduos foram avaliados quanto à presença de alergias respiratórias, sinais e sintomas respiratórios nas vias aéreas superiores (V.A.S.), associação da sinusite com outras doenças de V.A.S., uso de medicamentos e evolução clínica dos sinais e sintomas de V.A.S., após tratamento fisioterapêutico (ultra-som e lavagem nasal).

Observou-se quanto às doenças de V.A.S., uma prevalência para a sinusite (61,5%), onde 100% dos indivíduos referiram coriza e alergia. Em relação ao comportamento dos sinais e sintomas respiratórios (V.A.S.) antes e após o tratamento fisioterapêutico, observou-se uma prevalência para o sintoma dor de cabeça (84,6%). A variável dor facial, apresentou diferença estatisticamente significante e a variável dor de cabeça, aproximou-se da significância fixada.

Os resultados mostraram que os sintomas decorrentes de sinusopatias como dor de cabeça e dor facial, reduziram respondendo adequadamente ao tratamento fisioterapêutico.

Fonte: Procedimento fisioterapêutico em indivíduos com sinusite submetidos ou não à Terapia medicamentosa.
Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.