O ombro - anatomia e mobilidade






A região do ombro é um complexo de 20 músculos, 3 articulações ósseas, e 2 articulações funcionais que permitem uma maior mobilidade entre todas as regiões encontrados no corpo humano. O complexo do ombro não apenas proporciona uma ampla variação para a colocação das mãos como também executa importantes funções de estabilização para o uso da mão, levantar e empurrar, elevação do corpo, inspiração e expiração forçadas e até mesmo sustentação de peso como andar de muletas.

A cintura escapular e o ombro são constituídos por 3 ossos de cada lado (clavícula, escápula e úmero ).

Além destes 3 ossos principais, podemos considerar o osso esterno e as costelas (principalmente o primeiro par ) como ossos que integram este segmento, já que estes ossos são os ossos que fixam a cintura escapular ao tronco, ou seja, a clavícula se articula com o esterno e este, por sua vez, articula-se com as costelas.

As articulações deste segmento não são todas verdadeiras ou clássicas ( articulações entre dois ou mais ossos ). Neste segmento nós encontramos algumas articulações ditas funcionais, ou seja, são articulações entre ossos e músculos, ou articulações com arquitetura diferente das articulações entre dois ou mais ossos. Há nesta região 5 articulações sendo 3 articulações verdadeiras e 2 funcionais.

• Articulação estreno-clavicular (verdadeira)
• Articulação acromio-clavicular (verdadeira)
• Articulação glenoumeral (verdadeira)
• Articulação supraumeral (funcional)
• Articulação escapulocostal (funcional)

A principal bursa é a subacromial localizada acima do tendão do músculo supra-espinhoso e abaixo do acrômio.

Os ligamentos são responsáveis pela estabilidade da articulação; os principais são a cápsula gleno-umeral e o ligamento coracoacromial.
 


O Ombro apresenta um movimento de elevação ativa de 180 graus. Este movimento só é possível pela contração muscular sincronizada de vários músculos. Inicialmente o manguito rotador possibilita o início da elevação, depois quem faz o movimento é o músculo deltóide. O Manguito Rotador é o nome dado a confluência de 4 tendões musculares que se inserem no úmero: o subescapular, o supra-espinhal, o infra-espinhal e o redondo menor. Estes músculos, quando inflamados, são extremamentes doloridos. Alem destes fazem partem do complexo do ombro os músculos: peitoral maior, peitoral menor, coracobraquial, grande dorsal, redondo maior, bíceps braquial, tríceps braquail (porção longa), trapézio, rombóides, serrátil anterior, levantador da escapula, subclávio, deltóide.



Grau de Mobilidade

• Abdução - 180º
• Adução - 45º
• Flexão - 90º
• Extensão - 45º
• Rotação Interna - 55º
• Rotação Externa - 40-45º


Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping