Aplicação do Laser na Fisioterapia






O termo Laser significa amplificação da luz por emissão estimulada de radiação.

É um recurso da fototerapia que vem sendo utilizado pela fisioterapia, por produzir um efeito antiinflamatório, analgésico, estimulante celular e modulador do tecido do conjuntivo na regeneração e na cicatrização de diferentes tecidos.

Existem dois tipos de LASER utilizados pela fisioterapia o Hélio-Neônio e Arseneto de Gálio.


INDICAÇÃO:


1)-Processos degenerativos e inflamatórios das lesões dos tecidos moles como ligamentos, tendões, e músculos.
2)-Edemas periarticulares
3)-Cicatrização de feridas abertas
4)-Lesões nervosas periféricas


CONTRA-INDICAÇÃO:


O laser não deve ser aplicado sobre a retina , sobre neoplasias , processos bacterianos , sobre tecidos especializados como ovários e testículos.


CUIDADOS:


- O ângulo de incidência deve sempre estar localizado sobre à área de aplicação
- Fisioterapeuta e paciente devem estar usando proteção ocular específica
- Pele do paciente deve sempre estar limpa, sem cremes, óleos, ou mesmo secreções sebáceas.
-Antes do uso é importante testar a caneta do LASER.

DOSIMETRIA:

A dose do laser é indicada pelo fisioterapeuta conforme o efeito desejado, podendo variar de 1 a 6 J/ cm2 .

Antiinflamatório - 1 a 2 J/cm2

Analgésico - 2 a 3 J/cm2

Anti edema - 3 a 4 J/cm2

Cicatrizante - 4 a 6 J/ cm2


O tempo da aplicação depende da área a ser tratada:

Área:

Área pequena - 5cm2
Tempo: 2 minutos

Área média - 10cm2
Tempo: 4 minutos

Área grande - 25cm2
Tempo: 6 a 8 minutos


TÉCNICA DE APLICAÇÃO:

Em áreas pequenas a aplicação é pontual no local da dor.

Em áreas grandes a aplicação é em varredura, para atingir uma margem maior.

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.