Desenvolvimento motor normal da criança de 0 a 3 anos








O desenvolvimento da criança abrange 3 etapas: psicológico, neurológico e motor. Apesar do desenvolvimento ter fases e etapas bem definidas, cada bebê irá definir o seu. Para cada bebê como um indivíduo irá responder de forma muito particular aos estímulos vividos e/ou oferecidos.

O bebê ao nascer ainda não senta, não anda, devido ao seu sistema nervoso que ainda está imaturo em vários aspectos, entre eles o tônus muscular estará diminuído no pescoço e tronco e aumentado em braços e pernas. E para que o bebê adquira habilidades, este sistema nervoso precisará amadurecer, o que ocorre no primeiro ano de vida, e vai até 3 anos de idade.

O amadurecimento do sistema nervoso se fará em 2 direções: da cabeça para o pescoço e da região proximal para distal, ou seja, o bebê controla o pescoço antes de controlar o tronco e controla os ombros antes das mão. Todo esse processo é gradativo, e cada fase alcançada habilita a criança a alcançar a etapa seguinte. Esse processo é lento e diário, imperceptível.

O amadurecimento do sistema nervoso depende da boa saúde global do bebê que é obtido através do aleitamento materno, controle de infecções e doenças com a ajuda das vacinas, o cuidado da própria mãe e o estímulo saudável do meio ambiente. Este estímulo não deve ser exagerado na intenção errônea de formar "campeões", mas sim, deve ser espontâneo, tranquilo, calmo e natural, dentro do relacionamento de amor, carinho e respeito entre pais e filhos. O que acarretará um adulto que saberá se relacionar com o meio e com o outros de forma sadia respeitando-os e não competindo com eles.

Márcia de Loyola – Fisioterapeuta especializada em neurologia infantil. 

e-mail: marcia@fisioterapiarj.com.br

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.