Fisioterapia na ELA






O papel da fisioterapia na esclerose lateral amiotrófica começa antes de ter ocorrido qualquer perda significativa da força ou função, e continua durante toda a vida da pessoa com esclerose lateral amiotrófica.

A fisioterapia envolve as seguintes tarefas:

  1. Manter a flexibilidade articular normal da pessoa ou a amplitude de movimento.
  2. Manter a força muscular tanto quanto possível
  3. Manter a função tanto quanto possível
  4. Diminuir a dor

O terapeuta atinge esses objetivos, avaliando o indivíduo regularmente e, com base nesses achados, instruindo o paciente e/ou quem assiste ao paciente a realizar exercícios apropriados, procurar equipamentos de adaptação e avaliar as necessidades das atividades de vida diária.

Nessa questão, existem dois problemas mais comuns na ELA. Ambos envolvem a perda da amplitude de movimento articular normal. Esses dois problemas são a capsulite adesiva da articulação do ombro e as contraturas de flexão do pescoço.

Capsulite adesiva da articulação do ombro

A capsulite significa que o tecido conjuntivo que circunda as articulações se inflama. A causa habitualmente é a fraqueza muscular que resulta na perda de movimento de uma articulação. Quando uma articulação do corpo não se movimenta dentro da amplitude normal durante um período apreciável, esse tecido conjuntivo torna-se menos elástico e maleável. Ele pode endurecer-se rapidamente (algumas vezes, dentro de dias), torna-se fibrótico e restringe o movimento. Se a articulação se movimentar forçadamente dentro do intervalo normal (além do ponto que limita agora o movimento), o paciente apresentará uma dor aguda imediata e o corpo produzirá uma resposta de inflamação.

Inicia-se agora um ciclo vicioso. O paciente não deseja movimentar a articulação, porque isso causa dor, mas a imobilidade aumentada produz mais restrição e mais dor. Como a articulação do ombro é a articulação envolvida mais comumente, isso causa problemas reais com as atividades do dia a dia. A tentativa de levantar o braço ativamente ou passivamente (quando o paciente levanta o braço ou quando quem assiste ao paciente levanta o seu braço) para banhar-se ou a tentativa de vestir ou tirar uma camisa ou uma jaqueta pode causar uma dor insuportável. Finalmente, sentar-se ereto, sem apoiar o braço, pode ser intolerável.

Para tentar evitar isso, é necessário começar a ser ativo diariamente, com exercícios de movimento ativo assistido ou passivo (o membro é movimentado por uma outra pessoa) dentro da amplitude de movimento, antes que o paciente perca qualquer mobilidade. Diante dos primeiros sinais de fraqueza da musculatura do ombro, o paciente e o cuidador devem ser instruídos a realizar exercícios de flexibilidade (intervalo de movimento).

O paciente deve completar esses exercícios independentemente durante o maior tempo possível, deitando-se de costas e usando uma bengala para permitir que o braço oposto forneça a força. Finalmente, se o paciente não puder mais levantar o braço, a pessoa que cuida deste paciente ainda deve movimentar suavemente a articulação do ombro dentro do intervalo disponível. É importante que o paciente e a família sejam orientados por um terapeuta a realizar os exercícios, de acordo com o método correto, porque pode ocorrer uma lesão real, se os exercícios forem feitos incorretamente. Em alguns casos, os familiares podem receber instruções sobre a mobilização suave da articulação. Essa é uma técnica de exercício que requer algum treinamento, mas, se realizada corretamente, pode auxiliar a prevenir a capsulite adesiva.

Se, a despeito de todos os esforços, houver suspeita de capsulite adesiva, deve-se iniciar a fisioterapia intensa imediatamente. A combinação de calor profundo ou gelo, antiinflamatórios e analgésicos e técnicas de mobilização suave ainda podem restabelecer a flexibilidade normal e eliminar a dor.

Contratura de flexão do pescoço

Uma outra complicação comum da esclerose lateral amiotrófica é a contratura de flexão do pescoço. Como os músculos extensores do pescoço (os músculos na região posterior do pescoço que movimentam a cabeça para cima) freqüentemente enfraquecem antes do grupo de músculos oponentes, flexores do pescoço, os músculos extensores se estiram quando a cabeça do paciente começa a cair. Assim, os músculos flexores (na parte anterior do pescoço), em contraposição, tornam-se encurtados porque o paciente tem uma dificuldade crescente de manter a posição ereta.

Um colar cervical pode auxiliar a dar apoio para o paciente, mas algumas vezes eles não são bem tolerados. Podem ser necessárias paciência e perseverança para auxiliar o paciente a encontrar um colar cervical suficientemente resistente para dar apoio e, ao mesmo tempo, leve e delicado para ser confortável.

Entretanto, o erro que se comete freqüentemente é que, quando o paciente aceitou a realidade de que é necessário um colar cervical, os músculos flexores do pescoço estão tão encurtados que o colar não pode ser tolerado. É importante que o paciente e/ou o responsável por cuidar do paciente inicie exercícios de amplitude de movimento ativos, ativos assistidos ou passivos, antes que qualquer restrição do movimento do pescoço se torne evidente.

O paciente e o responsável por cuidar dele devem receber instruções sobre os exercícios de amplitude de movimentos suaves do pescoço que podem ser realizados com o paciente sentado e deitado. Eles devem ser realizados pelo menos uma vez por dia, mantendo assim a flexibilidade dos músculos do pescoço normais.

Em conclusão, o paciente com esclerose lateral amiotrófica se beneficia da intervenção de fisioterapia em todos os estágios da doença. Entretanto, é imperativo que cada paciente seja avaliado por um fisioterapeuta regularmente e que o tratamento apropriado seja iniciado antes que surjam complicações sérias.

Fisioterapia na esclerose lateral amiotrófica
(Wendy King, PT )

Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping