Uso de eletrônicos provoca lesões







O uso contínuo de aparelhos eletrônicos está levando adolescentes a se depararem com problema até então mais comum entre adultos. É a Lesão por Esforço Repetitivo (LER), provocada pelas ininterruptas horas diante de smartphones, computadores e tablets. Dedos, punhos e costas são as regiões mais afetadas.

Jovens não devem passar mais de 20 minutos seguidos diante dos aparelhos. Depois disso, é necessário fazer uma pausa para relaxar a postura. A lista de consequências para quem não segue a recomendação é extensa.

RISCO DE HÉRNIA DE DISCO

Posicionar a cabeça para a frente durante o uso de computador ou ficar com o pescoço abaixado ao teclar no celular são posições que podem causar desvio de coluna, desgastar o disco que fica entre as vértebras e gerar uma hérnia. Para as pessoas que preferem navegar deitadas, há risco de torcicolo e dores nos braços, além de tendinite nos ombros.

Em pessoas jovens, vemos a LER afetando os dedos por causa do uso de celulares, o que era raro até hoje

O tratamento é feito com o uso anti-inflamatórios e fisioterapia, além da redução do uso dos aparelhos.

PREVENÇÃO

COMPUTADORES
O uso de suportes para computadores e tablets alinha cabeça e tela e protege pescoço e coluna.

CELULAR
Apoiar os cotovelos em uma mesa, durante o uso de smartphones, evita sobrecarga da coluna e pescoço. Evitar digitar com a mesma mão que segura o aparelho.

INTERVALO
A cada vinte minutos de uso de aparelhos, faça um int</CW>ervalo para alongar e relaxar as regiões utilizadas.


Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.