Saiba tudo sobre Ondas Curtas






http://www.carci.com.br/public/produtos/81_2.jpg

Ondas Curtas

  • Constam de 02 circuitos oscilantes, que precisam estar em "sintonia" (chave tunning).

  • Circuito primário  aparelho de Ondas Curtas.

  • Circuito Secundárioeletrodos + paciente.

Métodos de Aplicação

  • Indutivo

Métodos de Aplicação

  • Capacitativo

Método de Aplicação

  • Eletrodos em forma de Placa ou Almofadas.

  • Eletrodo flexível de tamanho e forma variável, coberto por uma camada de borracha vulcanizada que funciona como isolante e separador.

  • Eletrodos tipo disco ou SCHILIEPHAKE.

  • Consiste num eletrodo rígido, normalmente de formato circular, incluso num receptáculo de vidro ou cristal que funciona como isolante.

Vantagens

  • Permite a aplicação em áreas irregulares.

  • Não apresenta pressão na área a ser tratada.

  • Permite observar a área a ser tratada.

Posição dos eletrodos

  • Coplanar

  • Contraplanar

  • Longitudinal

Mecanismos de Propagação

  • Condução

  • Rotação dipolos

Dosimetria segundo Schiliephake

  • Dose I: Calor imperceptível

  • Dose II: Calor perceptível

  • Dose III : Calor Claro

  • Dose IV: Calor Forte

*Deve ser realizada de acordo com a sensação subjetiva do paciente

**Dose sugerida para o modo contínuo

Dosimetria Pulsado segundo Jones Agne

Processos Agudos:

  • Freqüência de repetição de baixo impulso 20-50Hz.

Processos Subagudos:

  • Freqüência de repetição mais elevada acima de 82Hz.

*Deve ser realizada de acordo com a sensação subjetiva do paciente

Efeitos Fisiológicos

  • Aumento do fluxo sanguíneo.

  • Assiste na resolução da inflamação.

  • Aumenta a extensibilidade do tecido colágeno profundo.

  • Diminui a rigidez articular.

  • Alivia a dor nos músculos profundos.

Indicações

  • Artrose e artrite crônicas (O.C. Pulsado)

  • Braquialgia

  • Bursite crônica

  • Ciatalgia

  • Contratura

  • Dorsalgia

  • Distensão

  • Entorse (crônico)

  • Epicondilite

  • Espasmos páravertebrais

  • Esporão de calcâneo

  • Fibrose

  • Lombalgia

Contra-Indicações

  • Marcapassos implantados.

  • Metal nos tecidos ou fixadores externos (DIU).

  • Gestação.

  • Sensação térmica comprometida.

  • Tumores malignos.

  • Tuberculose ativa.

  • Trombose Venosa recente.

  • Áreas hemorrágicas.

Cuidados

  • Marcapassos implantados

  • Metal nos tecidos ou fixadores externos (DIU)

  • Gestação

  • Sensação térmica comprometida

  • Tumores malignos

  • Tuberculose ativa

  • TV recente

  • Áreas hemorrágicas

  • Observar se não há nenhuma escoriação no local de tratamento

  • Secar a área, e utilizar material intermediário (toalha) para evitar formação de suor

  • Nunca cruzar os cabos ou deixá-los encostando no paciente


Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping