Saiba mais sobre o Halliwick






http://1.bp.blogspot.com/-BkSeAZSz7FI/TwBrnP22auI/AAAAAAAAF6o/ONF-PZSZmSI/s1600/M%25C3%25A9todo+Halliwick.jpg

A primeira vez que ouvi falar do conceito Halliwick foi através de um amigo que trabalhava com hidroterapia e era fera em Watsu. Basicamente,  é uma abordagem para ensinar todas as pessoas, em particular as com deficiência física e/ou intelectual, a participar de atividades aquáticas moverem-se com independência na água e nadar.

Portanto, ele reconhece  reconhece os benefícios que podem ser extraídos das atividades na água, estabelecendo os fundamentos necessários para o ensino e aprendizagem neste ambiente. Estes benefícios são holísticos e incluem aspectos físicos, pessoais, recreacionais, sociais e terapêuticos.

O conceito é ensinado através de um programa de Dez Pontos. É um processo de aprendizagem estruturado através do qual a pessoa sem experiência prévia pode progredir à independência na água. Isso acontece através do domínio e controle de movimentos no ambiente aquático. No método Halliwick não são usados flutuadores.

Através dos Dez Pontos o "nadador" gradativamente, melhora a respiração, equilíbrio e controle de movimentos, torna-se mais confiante na água e experimenta maior liberdade em imersão.

Para muitos, o Programa dos Dez Pontos será a oportunidade de aprender a nadar com competência, enquanto que para outros dará a chance de participar em outras atividades aquáticas.

Os Dez Pontos são:

1. Adaptação Mental - Adaptação ao meio líquido de forma que a confiança na água possa ser estabelecida.

2. Desligamento - É o meio pelo qual o nadador se torna mental e fisicamente independente.

3. Controle da Rotação Transversal - É o movimento em torno do eixo transversal do corpo (da posição deitada, para posição em pé).

4. Controle da Rotação Sagital - É o movimento em volta do eixo da coluna vertebral ( Rolar: decúbito ventral para decúbito dorsal). 

5. Controle da Rotação Longitudinal - É a habilidade de controlar movimentos ao redor do eixo longo do corpo como o eixo que passa desde a cabeça até o dedo do pé (eixo sagito-frontal)

6. Controle da Rotação Combinada - É a habilidade de controlar movimento utilizando qualquer combinação de rotações

7. Empuxo - É uma propriedade física da água que possibilita, a maioria dos "nadadores", a flutuação na água

8. Equilíbrio em imobilidade - O nadador é capaz de manter a posição do corpo enquanto flutua em descanso, fazendo pequenos ajustes quando há turbulência

9. Deslize em Turbulência - O nadador flutua, sendo levado através da água pela turbulência criada pelo instrutor.

10. Progressões Simples e Movimentos Básicos de Natação - Progressões Simples são movimentos básicos de propulsão. Podem ser simples movimentos com braços, pernas ou mesmo com o tronco. Por exemplo na posição de flutuação horizontal (i) aplaudir os lados do corpo, (ii) movimentos de remos com as mãos, (iii) bater as pernas. Movimentos Básicos de Natação podem consistir de movimentos que requerem coordenação mais complexa e, normalmente, poderão envolver elevar os braços fora da água e incluir um elemento de deslize (equilíbrio em imobilidade).

Com ajuda daqui



Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping