Ótima ideia contra o desrespeito à acessibilidade






Ação da Prefeitura ocupou vagas de estacionamento com cadeiras de rodas. Foto: Gabriel Jacobsen

Estava na recepção do consultório médico quando vi uma reportagem falando da iniciativa de uma ONG para alertar a população em geral o quanto o péssimo hábito de estacionar em locais que são destinados para pessoas com dificuldade de locomoção. A ideia foi espetacular: colocar cadeiras de rodas em vagas normais de carros e esperar a reação das pessoas. Como se não bastasse isso, as cadeiras tinham folhas de papel com dizeres das desculpas mais usadas pelas pessoas que estacionam em vagas proibidas. "É bem rapidinho", "só um instante", 'vou só beber um café' foram algumas das frases utilizadas.

Estacionar em vaga de deficiente ou na subida/descida de rampa na cadeira é um hábito mais comum do que a gente pensa. O fisioterapeuta sabe o quanto é difícil para um cadeirante, por exemplo, se locomover pelas ruas do país. Imagina com as rampas bloqueadas pelos carros? A grande maioria das pessoas só começam a ter consciência quando afeta um membro da família. Quantas vezes em shoppings as vagas estão ocupadas sem que haja pessoas com dificuldade de locomoção no veículo? 

Acredito que o fisioterapeuta tem um papel educativo muito importante na conscientização de pacientes que não precisam desse tipo de recurso. Além disso, estar atento para a necessidades dos próprios cadeirantes faz parte do tratamento.

Respeitar essas vagas de questão de cidadania e educação. Já está mais do que na hora de entender que melhorar a acessibilidade é uma questão de saúde pública.

Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping