Síndrome Tensional do pescoço e a Fisioterapia







http://www.pilarvertebral.com.br/anexo/novos/Costas%203D.jpg

A Síndrome Tensional do Pescoço é uma desordem orgânica e funcional, provocada pelo trabalho repetitivo, aumento da carga muscular estática, postos de trabalho inadequadoA causa exata da cefaleia tensional é ainda desconhecida. Há muito tempo se acreditou que elas eram causadas por tensão muscular ao redor da cabeça e pescoço.  Deve-se a posição inadequada da cabeça e do membro superior durante uma determinada atividade.  Comumente associada estresse emocional, pode também ser deflagrada por postura e exercícios físicos inadequados.

As queixas principais deste tipo de paciente são as constantes dores no pescoço (região cervical) e ombro, fraqueza e fadiga muscular, parestesia (diminuição de força por formigamento). Já os sinais clínicos demonstram uma hipersensibilidade muscular, contratura muscular com a presença de nódulos dolorosos, dores a palpação na região cervical e no músculo trapézio (principalmente fibras superiores), aumento do tônus muscular, limitação dos movimentos, diminuição da lordose cervical (fisiológica) e uma queda do ombro levando a dismetria.

A conduta terapêutica normal é feita com repouso, afastamento do trabalho, relaxante muscular (uso de drogas), calor superficial e profundo o uso de colar cervical e fisioterapia, principalmente a Reeducação Postural Global (R.P.G.), massagem e manipulação da região cervical e a hidroterapia que é um conceito novo neste tipo de tratamento.

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.