Prevenção da LER/DORT em dentistas






 
A maneira mais fácil e eficaz de se combater doenças ocupacionais como as LER/DORT é a prevenção. Algumas ati-tudes simples, como praticar exercícios de relaxamento e alongamento antes e depois da jornada de trabalho ou adotar medidas ergométricas na clínica ou empresa, já surtem um efeito positivo. 

A prevenção da LER/DORT também implica uma mudança na relação dentista-trabalho, ou seja, mudar hábitos que sempre foram rotineiros e prejudicavam a saúde do dentista sem que ele se desse conta.

A aquisição de móveis e aparelhos ergonomicamente indicados é um bom começo, pois ajudam o CD a permanecer em uma postura correta durante o trabalho. Entretanto, mesmo com móveis ergonômicos, é necessário um cuidado especial com a postura. 

A postura durante um atendimento depende, entre outros, do procedimento a ser realizado e da região da arcada. Independente disso, é recomendável manter as articula-ções em uma posição neutra, com os membros próximos ao corpo. Também é importante que o profissional execute paradas – mesmo que curtas – com uma certa freqüência.

Durante o tratamento de um paciente, não se devem usar luvas que apertem a região dos pulsos, e a força compressiva e velocidade de instrumentos manuais devem ser diminuídas. Também é importante evitar a aplicação de força em excesso ao longo do tratamento ou movimentos repetitivos. 

É importante que o cirurgião-dentista procure intercalar a execução de procedimentos, que não marque seguidamente em sua agenda pacientes com o mesmo procedimento, para não ser obrigado a realizar os mesmos movimentos. 

Outra simples ação que repercute excelentes resultados é a realização de exercícios de alongamento e relaxamento antes, durante e após o expediente. Esses exercícios têm como objetivo aliviar a dor e a tensão muscular, aquecendo os músculos e articulações para a jornada de trabalho. Alguns exercícios básicos podem ser feitos no próprio local de trabalho, sem requererem muito tempo.

1 - Massageie a palma da mão do centro para fora por alguns minutos;

2 - Realize semiflexões dos joelhos com a mão espalmada para baixo e apoiada na mesa;

3 - Com o polegar apoiado na mesa, realize semiflexões dos joelhos;

4 - Com os ombros relaxados, flexione o polegar da mão passiva, combinando o desvio do punho em direção ao solo;

5 - Com a mão ativa, flexione os dedos da mão passiva em forma de concha;

6 - Com a mão ativa, flexione o punho da mão passiva, mostrando a concha para si.  


Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.