Dores que caracterizam a Tendinite Patelar






http://s2.glbimg.com/bYlDULPR_tVgvunyAIh40gq4RJw=/s.glbimg.com/es/ge/f/original/2011/12/21/capa.jpg

A tendinite patelar é uma síndrome gerada pelo excesso de treinos, muitas vezes além do limite de elasticidade e resistência do tendão.
A dor se localiza na inserção do quadríceps (acima da patela), no corpo do tendão ou na tuberosidade da tíbia (abaixo do joelho).

Geralmente, ela começa suave e melhora durante a atividade. A tendinite patelar pode ser dividida em várias fases e as dores mais comuns são:

• Dor no polo superior ou inferior da patela, sendo a mais frequente no polo inferior da patela;
• Dor percebida no dia a dia, como por exemplo ao subir e descer escadas;
• Dor ao usar salto alto;
• Dor ao estender as pernas ou caso permaneça por um longo período sentado (perna cruzada);
• Dor no início da prática esportiva com leve limitação;
• Dor durante a prática esportiva sem limitação;
• Dor durante a prática esportiva com limitação;
• Rutura do tendão, tornando-se incapacitante.
 Como Evitar
Como todos os outros problemas decorrentes de exercícios, a prevenção é a principal arma contra essa patologia, e deve englobar:
- Treinamentos em superfícies de menor impacto;
- Exercícios de coordenação;
- Alongamentos para melhorar a flexibilidade muscular;
- Musculação para fortalecer os músculos;
- Correções de vícios e postura;
- Treinar corretamente, sem exageros;
- Usar tênis adequado para cada pisada.


Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.