Indicações e contra-indicações do Bad Ragaz






http://www.clinicasimmm.com.br/wp-content/uploads/2015/08/hidroterapia.jpg

O equipamento utilizado em Bad Ragaz consiste em um flutuador cervical, cinto pélvico e anéis flutuadores dos tornozelos.

O colar inflável ou colar cervical de EVA é altamente sugerido para um melhor alinhamento de cabeça e pescoço do paciente permitindo assim que estes seguimentos corpóreos sejam mantidos acima do nível da água o tempo todo. Além disso, permite que o paciente possa ouvir e ver o terapeuta, facilitando a comunicação e interpretação dos comandos dados por vários padrões.

O bad ragaz, praticado na água, se beneficia de todas as propriedades físicas da água, como flutuação. turbulência, pressão hidro-estática, tensão superficial e capacidade térmica. Com isso, facilita a recuperação cinético-funcional num programa de relaxamento muscular com exercícios resistidos progressivos.

Indicações:

- Condições ortopédicas e neurológicas, por exemplo pré e pós operatório, após fratura artrite reuamatóide, osteoartrite, espondilite anquilosante.
- Pacientes de cirurgias torácica, cardíaca e mamária. - Condições neurológicas - Paraplegia
- Hemiplegia - Parkinson (com cautela).
- Condições neuromusculares - fortalecimento leve. - Lesões M.M.S e M.M.I.
- Disfunções traumato-ortopédicos em que o paciente apresenta déficit cinético-funcional envolvendo ADM, ↑ força, dor, ler-dort, lombalgias.
- Doenças reumáticas (fibromialgias, artroses e artrites).
- Qualquer condição que envolva déficit de musculatura de tronco ou cinturas.
- Utilização juntamente com técnicas funcionais.
- Patologias ou condições de fraqueza de tronco, estabilidade proximal diminuída.
- Distrofia simpático reflexa.
- Lesões do Sistema Nervoso Central (SNC). Mostra excelente resposta aos movimentos passivos para alongamento, ganho de ADM, relaxamento e inibição de tônus. Exemplos: AVC, Parkinson, TCE, etc.

Contra-indicações e precauções:

- Programas devem ser planejados para evitar a fadiga dos pacientes (a liberdade da água pode encorajar atividades demasiadas).
- Pacientes que se encaixam nas contra-indicações da hidroterapia.
- Os pacientes recebem uma grande quantidade de estímulo vestibular durante o tratamento ( evite tonturas).
- Cautela durante o tratamento dos pacientes com condições agudas de coluna ou extremidades, devido a possibilidade de alongar demasiadamente articulações doloridas edemaciadas e com frouxidão.
- Pacientes com condições neurológicas onde exercícios ativos e resistidos aumentam a espasticidade em tronco ou membros ou na presença de hipertonia.
- Dor, quadros agudos e instabilidade articular.
- Posicionar-se adequadamente, utilizar mecânica correta.
- Evitar fadiga excessiva.
- Utilizar cuidadosamente as técnicas com pacientes espásticos.
- Monitorar o estímulo excessivo do aparelho vestibular.



Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia



COMENTE O POST

Coloque no Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Shopping