Fisioterapia na saúde da mulher






 

O corpo feminino é distinto do masculino. Além das diferenças estruturais (especialmente no sistema osteomuscular) há diferenças fundamentais na fisiologia ou funcionamento do corpo feminino (especialmente quanto a parte hormonal).

Outras características são a gestação e o parto, exigências que a natureza tornou exclusivas das mulheres. Destes fatos surgiu a medicina uroginecológica e hoje, numa abordagem mais ampla, as Ciências da Saúde da Mulher.  A fisioterapia é uma das profissões mais importantes no tratamento conservador. Assim sendo, há uma boa quantidade de profissionais se especializando na Fisioterapia na Saúde da Mulher, que antes era chamada de Fisioterapia UroGInecologica.

Ao especializar-se nessa área, o fisioterapeuta buscará a melhoria das condições físicas da mulher, desenvolvendo trabalhos preventivos, protetivos, educacionais, de intervenção e recuperação. Tudo isso, por meio de programas personalizados, de acordo com as necessidades de cada uma. Ele será um profissional especialista na área, com conhecimento teórico e prático das principais moléstias relacionadas à saúde da mulher, tem condições de promover esses tratamentos, atuando juntamente com uma equipe multidisciplinar. O profissional fisioterapeuta tem uma importante atuação na saúde da mulher. Um setor em grande expansão tanto na prática clínica quanto em pesquisas científicas comprova a eficácia dos tratamentos em estudos bem desenhados e com a satisfação dos pacientes e da equipe multiprofissional com resultados obtidos.

A Fisioterapia na Saúde da Mulher, englobando a fisioterapia uroginecológica, veio somar um contingente ainda maior de métodos e técnicas voltados não só a parte urogenital mas ao corpo feminino como um todo. Hoje mulheres com problemas como a constipação, retenção urinária, incontinência urinária, incontinência anal, prolapsos genitais ("bexiga caída") além dos mais diversos tipos de disfunção sexual, podem recorrer à fisioterapia para o alívio e, por vezes, à solução total destes inconvenientes.
Os recursos da Fisioterapia na Saúde da Mulher servem como aliado feminino não só no combate de incontinências ou de disfunções sexuais, mas na prevenção de toda uma infinidade de problemas de foro íntimo, na preparação para a gestação e o parto humanizados, na garantia do envelhecimento saudável, além de viabilizarem o incremento do desempenho sexual, o que, mesmo nas épocas de supressão, já era tido como sinônimo de satisfação e gratificação pessoal.
Com ajuda daqui

Você não pode perder:

Atualizações em Reabilitação Cardiopulmonar
eBook de Fisioterapia Hospitalar Completo
Drive Virtual de Fisioterapia

Tecnologia do Blogger.