O Fisioterapeuta Empreendedor







O profissional de fisioterapia tem um vasto conhecimento do corpo humano, adquirida na formação acadêmica, ele tem acesso as mais variadas técnicas, metodologias, pesquisas e novos estudos que permitem auxiliar no tratamento dos pacientes com limitações motoras, estéticas e até mesmo hospitalares, fornecendo uma recuperação adequada para cada tipo de caso clínico.

Segundo o Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO), o fisioterapeuta é um profissional de saúde, com formação acadêmica superior, habilitado à construção do diagnóstico dos distúrbios cinéticos funcionais, a prescrição das condutas fisioterapêuticas, a sua ordenação e indução no paciente bem como, o acompanhamento da evolução do quadro clínico funcional e as condições para alta do serviço. Atua nas áreas de fisioterapia clínica, saúde coletiva, educação, esporte e indústria de equipamentos de uso fisioterapêutico. Mas um novo perfil de profissional tem crescido nos últimos anos: o fisioterapeuta empreendedor.

Afinal, quem é que não gosta de ter autonomia para gerir da forma que melhor lhe aprouver? Embora seja muito mais cômodo trabalhar por conta de outrem, onde a vantagem dessa escolha é a quase isenção de riscos, nota-se uma grande revolução na sociedade. Trata-se da substituição da "síndrome do empregado", conhecida também por "síndrome da dependência", onde, o portador dessa enfermidade depende de alguém que crie um trabalho para ela, pelo "vírus empreendedor".

O empreendedor, mais do que simplesmente proprietário de um negócio, é aquele que corre riscos, vislumbra oportunidades, antecipa-se em relação aos demais na consolidação de ações empreendedoras específicas, são trabalhadores incansáveis, visionários, utilizam-se de fontes de informações preliminares e da rede de relações sociais na estruturação de suas atividades. Note que há uma distinção entre profissão e atuação empreendedora, uma vez que a "paixão empreendedora" e o "espírito empreendedor" não se configuram como uma profissão.

O mercado da Fisioterapia é bem vasto, o profissional pode atuar em clínicas, ambulatórios, consultórios e até mesmo no seu próprio centro de reabilitação, ou nas clínicas de acupuntura, que segundo pesquisas de mercado é um ramo que está em crescente ascensão pela grande procura de seus benefícios.

Serviços que podem ser oferecidos em clínicas:
- Avaliação do estado funcional do paciente;
- Exames periódicos;
- Avaliação de programas terapêuticos já realizados;
- Registro de prontuários, avaliação periódica;
- Acupuntura; e
- Recuperação esportiva.

A qualidade do serviço oferecido, e a dedicação do profissional são os pilares que elevam a reputação desta clínica. Além destas características, a limpeza do local, o atendimento dos secretários e recepcionistas também são essenciais, é preciso também que o profissional estabeleça os Procedimentos Operacionais Padrão (POPs) que são as ferramentas de qualidade que toda clínica deve seguir.

Vários fatores contribuem para aumentar a necessidade de inovação e planejamento no cenário atual da fisioterapia, entre os quais se podem destacar o aumento da exigência dos clientes; a crescente concorrência das clínicas e atendimentos homecare; o avanço no conhecimento científico do corpo e da mente humana e a consequente proliferação de técnicas fisioterápicas e o alto número de profissionais que se formam a cada ano, superando a oferta de empregos existentes. Cabe, portanto, um papel de destaque ao empreendedor, neste setor. Profissionais dispostos a criar uma nova perspectiva profissional; que ofereçam um trabalho de alto gabarito técnico e tenham uma visão de qualidade no serviço ao cliente.

Fontes

www.coffito.org.br Revista de Negócios, ISSN 1980-4431, Blumenau, v13, n. 1, p. 28 - 44, Janeiro/março 2008.

Empreendedorismo Em Fisioterapia. A Visão E O Planejamento de um Negócio Inovador. Vera Lucia Borsatto, 2006.

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.