Saiba mais sobre a Contratura de Dupuytren







A contratura de Dupuytren ou moléstia de Dupuytren é uma contratura fixa da mão em flexão caracterizada pelo espessamento da fáscia palmar (tecido encontrado abaixo da pele da mão). Apresenta-se como uma doença hereditária comum onde um ou mais dedos se contraem, isto é, ficam dobrados para dentro da palma da mão.

A causa dessa contração permanece ainda desconhecida. Os homens são mais afetados do que as mulheres e, normalmente, após os 40 anos. Quando as crianças são acometidas, apresentam a forma grave da doença.

Indivíduos fumantes, alcoólatras, que apresentam Diabetes e que usam drogas anticonvulsivantes apresentam maior chance de desenvolver a doença.

• Quais são os sinais e sintomas?

Geralmente, o primeiro sinal da doença começa com um nódulo na palma da mão, próximo ao dedo da aliança ou do menor dedo. O nódulo pode ser confundido com um calo e, normalmente, não apresenta dor. Com a evolução da doença, outros nódulos aparecem, levando a contração dos tendões dos dedos, flexionando-os. O dedo da aliança é, normalmente, o primeiro a ser acometido, evoluindo para o mínimo e depois para o médio.

• Quando procurar um Ortopedista?

Quando observar a presença de nódulos na palma da mão deverá visitar o seu Ortopedista para que ele faça o diagnóstico e tratamento correto.

• Qual o tratamento?

A maioria dos nódulos não cresce a ponto de fazer a contratura dos dedos e por serem indolores, o tratamento conservador é o mais comumente aplicado.

Quando o paciente não consegue colocar a palma da mão toda aberta sobre uma superfície lisa é sinal de que há contratura dos dedos. Neste caso, para corrigir a deformidade, o tratamento de escolha é o cirúrgico. Recorrências da doença após a cirurgia são conhecidas  



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.