7 cuidados para o Pilates em Gestantes








O pilates é uma modalidade que traz grandes benefícios ao corpo, trabalhando desde a flexibilidade até o fortalecimento da musculatura. A gravidez é uma etapa da vida da mulher em que devem ser feitas algumas adaptações e tomadas algumas precauções, uma vez que as mudanças no corpo, musculatura, hormônios e peso, podem trazer desconfortos e exigir maiores esforços da mulher.
Vamos ver
- Nenhuma gestante deve iniciar qualquer atividade física sem passar por uma avaliação de seu médico de confiança. Essa é uma condição fundamental para garantir a saúde da mãe e do bebê. Durante o pré-natal, também é importante que a mulher converse com o obstetra sobre sua prática.

- A duração de uma aula para gestante é a mesma de uma aula convencional – uma hora – e são recomendadas pelo menos duas aulas por semana para que a gestante possa sentir os benefícios da prática em seu dia-a-dia.

- Gestantes com placenta prévia ou baixa ou que tenham alguma doença que coloque a gravidez em risco não devem praticar a atividade.

- Com a gravidez avançada, não é indicado deitar de bruços, pois a posição comprime o útero contra as costas e diminui a quantidade de sangue que chega ao bebê. A mãe também não deve prender a respiração por muito tempo durante o exercício porque o bebê também fica sem oxigênio.

- As gestantes não devem praticar nenhuma atividade que eleve a frequência cardíaca a mais de 120 batimentos por minuto, pois isso diminui a circulação sanguínea.

- Não dispense o instrutor. Por causa da barriga, o equilíbrio da mãe fica alterado e o risco de quedas pode ser maior.

- Busque um centro especializado tanto na aplicação do Pilates como na formação de instrutores do método. Também é altamente recomendável que a aluna procure ter aulas com instrutores experientes e conhecimento técnico apurado sobre Pilates para gestantes.
Apesar de muito tempo de existência e da confiabilidade e eficácia do método pilates serem comprovados para gestantes, ele ainda precisa ser mais difundido no Brasil. Como a gestação é um período em que a mulher redobra a atenção com o corpo em busca de benefícios para ela e para o bebê, a recomendação médica para a prática de pilates é algo necessário.
Para quem lida com Pilates em Gestantes, algumas dicas:

- Curso Baby PIlates: É um método novo, adaptado pela instrutora Danielle Kühni, que tem como objetivo englobar todos os benefícios do Pilates no puerpério sem a mãe precisar ficar longe do seu bebê.

- Programa Mamãe Saudável - Esse programa é voltado para mulheres que estão planejando a gravidez, gestantes e mamães no pós parto.

- Curso online de Pilates em gestantes -  Acabe com todas as suas dúvidas sobre Pilates para gestantes: atenda alunas gestantes com segurança. Esse curso online tem exercícios, dicas, conteúdo e muita informação direcionado à essa população especial.

Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui


Você não pode perder

Cursos de FISIOTERAPIA para mudar sua carreira:

Tecnologia do Blogger.